Modern technology gives us many things.

Como falar “Oi” em inglês? – Confira as principais maneiras!

Como falar “Oi” em inglês? Quais são as formas de falar um simples “oi” na língua inglesa? Existe diferença entre a pronúncia de Oi e Olá na língua da rainha? Aulas de inglês online ajudam? Saber se comunicar é essencial quando vamos viajar, e isso inclui ser fluente em inglês, afinal, estamos falando de uma língua verdadeiramente universal.

No conteúdo de hoje, vamos ensinar a você sobre as diferentes formas de como falar “Oi” em inglês. Portanto, caso queira saber mais sobre o assunto, recomendamos que nos acompanhe até o final do conteúdo para entender melhor. Vamos lá, leia com a gente!

Como falar “Oi” em inglês?

Afinal, como falar “Oi” em inglês? Não existem milhares de formas de você dar Oi a alguém através do inglês, mas sim diferentes formas de usar uma frase para dizer Oi. Em suma, um simples “Hi” (Oi) ou “Hello” (Olá, Alô) já são suficientes para dar a entender o seu olá a pessoa que o está recebendo.

Além disso, portanto, você tem a opção das frases. Caso vá falar com alguém na parte da manhã, pode desejar bom dia “Good morning”. O mesmo vale para a parte da tarde “Good afternoon” ou então para a noite “Good evening”. Lembrando que “Good night” não é uma forma de dizer boa noite, mas sim de se despedir na parte da noite.

Quais as melhores formas de aprender a falar em inglês?

Bem, já sabemos como falar “Oi” em inglês, e agora? Bem, agora está na hora de conhecer aqueles que consideramos as melhores formas que você tem ao seu dispor para aprender a falar essa língua tão usada ao redor do mundo. Leia com a gente e entenda melhor:

1. Vídeo aulas no YouTube

Todos nós conhecemos o YouTube e provavelmente o usamos para assistir a trailers e vídeos engraçados, ou vídeos sobre “como fazer” algo que não podemos fazer. No entanto, poucos sabem o quão útil essa mídia social pode realmente ser para o crescimento pessoal e profissional.

Tudo o que você quer aprender por si mesmo, o YouTube tem um tutorial sobre isso. Por exemplo, você pode aprender inglês de graça graças com milhões de cursos ministrados por falantes nativos ou até mesmo professores que disponibilizam seus vídeos para todos, de forma totalmente gratuita.

Alguns canais têm caminhos completos para começar do básico, como o alfabeto, chegar à compreensão de um texto e até aprender pronúncias e frases para participar de uma conversa sem problemas.

Outros, por outro lado, podem se concentrar no aprimoramento da pronúncia, ou no aprofundamento dos termos e no uso correto de adjetivos, pronomes, etc. Em suma, realmente existe algo para todos os níveis com uma única limitação que é não ter como praticar “falar” e ter alguém para corrigir erros de pronúncia e outros defeitos.

No passado, os cursos de áudio eram muito populares, mas o YouTube é muito melhor porque você pode encontrar facilmente o que melhor combina com você e tem uma enorme gama de escolhas, totalmente gratuitas.

2. Sites da Internet com exercícios e material didático

Online você pode encontrar toneladas de recursos gratuitos sobre tudo, incluindo inglês. Existem, de fato, muitos sites para recuperar material didático em todos os níveis, do iniciante ao especialista.

Além de textos clássicos e documentos em PDF, existem muitos portais que permitem aprender e praticar inglês através de uma série de exercícios interativos. Geralmente, são sites gratuitos que ajudam você a aprender inglês a partir do básico real desse idioma.

Ele usa um método muito repetitivo (até demais), mas realmente eficaz e ajuda você a memorizar palavras e frases por um longo tempo. De fato, devido a repetição excessiva, muitas das palavras entram na sua cabeça e nunca saem!

Se, por outro lado, você preferir o método clássico, talvez não encontre livros inteiros, mas de qualquer forma lições detalhadas tanto de gramática quanto de redação em geral, talvez textos para serem traduzidos do inglês para o português e muito mais.

3. Cursos online, talvez com professor

Para quem precisa atingir um bom nível e de forma rápida, o aprendizado autodidata nem sempre é muito eficaz e fazer cursos online pode trazer resultados muito melhores.

Tenha em mente, porém, que esses cursos são para pessoas que já têm uma base e não para quem está começando do zero. Nesse caso, aconselhamos a avaliar os aplicativos ou sites que oferecem cursos básicos, talvez até gratuitos.

É claro, existem sim cursos online para iniciantes, esses fornecidos por grandes escolas de inglês que já estão acostumadas a receber uma grande leva de novos alunos. Porém, não recomendamos que os faça, pois aprender inglês EaD pode ser complicado pela falta de um professor por perto para auxiliá-lo quando for expressamente necessário.

Ainda sim, é uma opção para quem não tem muito tempo disponível ou simplesmente prefere não ter que se deslocar até uma escola física. Até a próxima!

Leia também: Como economizar internet durante uma viagem?

 

Comentários estão fechados.