Modern technology gives us many things.

Vistos para trabalhar nos EUA – Quais são e como funcionam?

Os vistos para trabalhar nos EUA podem ser conseguidos, porém são um pouco chatinhos de serem “conquistados” se assim podemos dizer. E, quanto custa um visto como esse? Quais são os vistos disponíveis para quem deseja trabalhar no país norte-americano de forma permanente? São essas as dúvidas que vamos sanar no conteúdo de hoje.

Leia também: Visto J1 nos EUA – Opção de Intercâmbio com Trabalho!

Quem nunca sonhou em viajar para fora do Brasil? Esse é o sonho de muitos brasileiros que pensam em, um dia, conseguirem condições financeiras melhores em suas vidas. Os Estados Unidos da América foi um país que por muito tempo parecia perfeito nesse sentido, pelas boas oportunidades que sempre possuiu.

Porém, nos últimos anos as políticas em relação a imigrantes mudaram bastante. Vem sendo cada vez mais complicada ingressar no país, seja para visitar a nação a passeio com um visto de turista, ou então para ficar no país de maneira permanente, com um visto para trabalho.

O grande problema em relação a toda essa proibição está na deportação: um imigrante que é deportado por estar irregular nos Estados Unidos nunca mais poderá voltar a terras norte-americanas. É por isso que a importância de estar dentro da Lei é tão grande. Para isso, é necessário que você tenha o visto correto.

Por isso, no conteúdo de hoje separamos um guia completo falando sobre os vistos para trabalhar nos EUA. Dessa forma, você pode entender melhor sobre como funciona para conseguir o documento correto para viajar para a terra do Tio Sam. Acompanhe-nos até o final do conteúdo e saiba mais. Vamos lá!

Ainda vale a pena migrar para os EUA para trabalhar?

Antes de continuarmos nosso conteúdo sobre os vistos para trabalhar nos EUA, precisamos lhe contar sobre a atual situação do país. Apesar de sempre ter sido um grande polo de imigrantes que viajam a trabalho, esse cenário vem mudando e tende a piorar na próxima década.

Não dizemos isso somente pelo fato de a imigração estar mais rígida, mas principalmente pelo fato da economia nacional estar se enfraquecendo. Isso se deve ao fato de que o governo do país imprimiu “pacotes de estimulação interna” trilionários, que acabaram desvalorizando e muito a moeda nacional.

Dessa forma, a inflação disparou, o preço das coisas seguiu o mesmo caminho e só tende a piorar. Assim, apesar de a moeda ainda ser uma das mais fortes do planeta e o seu poder de compra continuar sendo 5x melhor do que o nosso Real, em uma perspectiva de longo prazo (5 ou 10 anos), não vale mais a pena viajar aos EUA a trabalho. Continue lendo conosco!

Leia também: Salário mínimo nos Estados Unidos 2022 [atualizado]

Não são vistos, mas sim apenas um visto

Quando falamos sobre vistos para trabalhar nos EUA, damos a impressão que existe mais de um tipo de documento que atesta sua permanência no país a trabalho. Na realidade, não existe mais de um, mas sim apenas um visto que funciona para esse tipo de viagem. É o visto para trabalho específico em terras norte-americanas, conhecido como H-1B

Como funciona para conseguir o visto H-1B?

E como funciona para conseguir esse visto de trabalho? Bem, isso depende. O visto é destinado somente para quem comprovar que irá assinar um contrato de ocupação especial, ou seja, é necessário ter formação acadêmica equivalente para os EUA, e atuar na sua área de conhecimento para conseguir esse visto.

Dessa forma, você consegue a permanência em terras norte-americanas enquanto estiver trabalhando. Mas, como assim enquanto estiver trabalhando? O grande problema desse visto é que ele não funciona como um Green Card, mas sim como um visto comum sem tempo para vencer. Porém, ele para de valer a partir do momento em que você termina seu contrato de trabalho.

A partir dessa data específica, você possui mais 6 meses de permanência no país estando dentro da Lei. Esse período pode ser usado para conseguir um Green Card – que também pode ser conseguido enquanto você trabalha e tem o visto H-1B – ou simplesmente para aproveitar um pequeno período de férias na terra do Tio Sam.

Como conseguir ficar nos EUA sem visto?

E existe alguma maneira de ficar nos Estados Unidos, mesmo não tendo visto? Definitivamente não, pelo menos não dentro do que a Lei permite. Como mencionado, os EUA possuem as leis mais rígidas de todo o planeta quando o assunto é permanência de imigrantes em solo nacional.

O que você pode tentar fazer é conseguir um Green Card enquanto aproveita seu período de validade do visto de turista. É o que a grande maioria dos brasileiros faz e que aparentemente dá resultados. Funciona da seguinte forma:

  • Você viaja aos EUA com um visto de turista com duração de 6 meses;

  • Dentro desse período, luta por um contrato de trabalho em alguma empresa que seja nacional e administrada por um norte-americano (empresas estrangeiras não são válidas para esse método);

  • Conseguindo o contrato, então você deve ir até o Consulado que trata de assuntos de imigrantes, e solicitar o seu Green Card, documento que lhe torna um “cidadão norte-americano”.

Até a próxima!

Intercâmbio para os EUA: entenda como fazer

Comentários estão fechados.